nota-maxima-em-avaliacao-da-capes-desatque Notícias
Matemática e Ciência de Computação seguem no nível 7; MECAI e Estatística avançam
Data da publicação: 20/10/2022

ICMC 7 Estrelas capes AVALIAÇÃO

 

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) divulgou resultados parciais da Avaliação Quadrienal, que abrangeu cerca de 4.500 programas de pós-graduação stricto sensu em funcionamento no Brasil. O Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC), da USP, em São Carlos, manteve nota máxima 7 em todos os itens para os programas de Matemática (PPGMat) e Ciência de Computação e Matemática Computacional (CCMC), com conceito 7, o mais alto da classificação, indicando um desempenho equivalente a padrões internacionais de qualidade.

Ligada ao MEC, a CAPES é responsável pelo fomento, regulação e avaliação da pós-graduação no Brasil. A cada 4 anos uma avaliação dos programas é realizada. Os resultados apresentados agora são referentes aos anos de 2017 a 2020 e servem de referência para a concessão de auxílios por parte das agências de fomento, indicar o estágio de desenvolvimento e a qualidade de cada programa. O conceito pode fazer com que os programas possam abrir novos cursos, ganharem ou perderem bolsas ou mesmo serem descredenciados, por exemplo.

 

900x600 MATEMATICA

Programa de Matemática (PPGMat) manteve nota máxima 7 em todos os itens.

 

A matemática que há meio século se mantém no topo

Criado em 1970, o Programa de Pós-Graduação em Matemática (PPG-Mat) do ICMC é um dos mais tradicionais do Brasil e há várias décadas é uma referência, mantendo-se com excelentes notas nas avaliações da Capes. Para o atual coordenador do programa, o professor Paulo Leandro Dattori da Silva, o conceito 7 também passou a fazer parte dessa tradição. “O conceito 7 é a materialização por parte da Capes do que já é percebido por pesquisadores do Brasil e do exterior. Nossa produção científica tem dado contribuição relevante em diversas linhas de pesquisa concentradas nas três grandes áreas, Análise, Álgebra, Geometria/Topologia. Somos um programa com grande impacto na formação de pesquisadores e professores do ensino superior. Nossos egressos têm tido muito sucesso em suas carreiras profissionais. Além do corpo docente com excelente reputação internacional, nossa estrutura técnico-administrativa e a infraestrutura do ICMC dão suporte para a excelente avaliação do PPG-Mat. A manutenção do nosso conceito 7 nos dá mais ânimo e disposição para trabalharmos firmes pela formação de recursos humanos altamente qualificados e pelo avanço significativo do conhecimento matemático”, comentou Dattori.

Criado quatro anos após o Programa de Matemática, o Programa de Pós-Graduação em Ciências de Computação e Matemática Computacional (PPG-CCMC) segue o mesmo alto nível científico e é também um dos que mais forma mestres e doutores no país, tendo mantido a nota máxima 7.

Kalinka Jaquie Castelo Branco é presidente da Comissão Coordenadora do Programa. “Os resultados do PPG-CCMC foram muito positivos. Todos os quesitos foram avaliados como Muito Bons. Tivemos um reconhecimento do trabalho realizado por todos os docentes, discentes e funcionários que atuam direta ou indiretamente com o programa. No CCMC, temos um corpo docente de excelência, além de possuirmos também um potencial de geração de pesquisa com publicações de alto impacto de destaque. A formação de alunos de doutorado e mestrado que migram e nucleiam diversos estados e até mesmo que ocupam cargos de destaque em empresas nacionais e internacionais são fatores que contam positivamente para o CCMC. A inserção internacional de docentes, bem como a atração de pesquisadores é algo que também tem destaque”, disse. Ainda segundo Kalinka, todas as informações solicitadas foram atendidas. “A Comissão de Área da Ciência da Computação (CA-CC) manteve um contato direto com os coordenadores de programa, sempre atualizando informações necessárias para a avaliação. Critérios bem estruturados foram propostos. Planilhas com informações de destaques, tanto em produção científica quanto tecnológica, solicitando demonstração do impacto não só quantitativo, mas qualitativo, foram solicitadas. A seriedade dos critérios, bem como da organização da solicitação dos dados é fator de destaque e que permite demonstrar a seriedade com que o CA-CC trabalhou durante todo o período de recolhimento dos resultados e avaliação dos mesmos”, observa comemorando o resultado.

 

ICMC 179

Ciência de Computação e Matemática Computacional (CCMC), segue com conceito 7, o mais alto da classificação, indicando um desempenho equivalente a padrões internacionais de qualidade.

 

Estatística e MECAI avançam com mesmo nível de excelência

O Programa Interinstitucional de Pós-Graduação em Estatística UFSCar-USP (PIPGEs) passou de 4 para 5. Foi iniciado em 2013 a partir de uma associação entre os grupos de pesquisa de Probabilidade e Estatística do Departamento de Estatística da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) e do Departamento de Matemática Aplicada e Estatística do ICMC. O atual coordenador é o professor Jorge Luis Bazán Guzmán. “Achamos extremamente importante contar com informação dos programas para poder definir diferentes políticas e ajustar aquelas que precisam ser ajustadas procurando a excelência de nosso programa. Nós estávamos aguardando este resultado pois tínhamos trabalhado arduamente em aprimorar diferentes quesitos da avaliação anterior”, disse.

“Nós tivemos nossa primeira avaliação em 2017 e agora, obtivemos a segunda avaliação. Nós melhoramos o desempenho especialmente no relacionado com a excelência do corpo docente e a produção intelectual. Lembramos que o processo de avaliação segue diferentes considerações aceitas pela comunidade acadêmica e atende critérios definidos pelo comitê formado pelo Conselho Técnico Científico da Educação Superior CTC-ES”.

O Mestrado Profissional em Matemática, Estatística e Computação Aplicadas à Indústria (MECAI), criado em 2014, também comemora. Subiu para 4, observando que para os cursos profissionais a nota máxima é 5.

O professor Fabricio, atual coordenador do MECAI lembra que essa foi a primeira avaliação quadrienal completa do programa, criado em 2013, com nota inicial 3. “Sendo assim, o programa não passou por uma avaliação completa no quadriênio 2013-2016, permanecendo com nota 3. Apesar da avaliação conturbada neste quadriênio 2017-2020, e atraso no processo de avaliação, o resultado foi bastante positivo para o programa. A nota 4 é o máximo que poderíamos alcançar nessa avaliação, já que não é possível avançar dois níveis de uma vez”, comentou. 

Ainda segundo ele, o programa recebeu avaliação "muito bom" em quase todos os quesitos avaliados. “É um indicativo de que temos potencial para aumentar a nota para 5 na próxima avaliação quadrienal e atingir o patamar máximo para programas profissionais. Foram destacados como pontos positivos a quantidade e qualidade dos trabalhos de conclusão, com resultados relevantes para um programa profissional, como publicações, desenvolvimento de produtos e transferência de tecnologia para o setor produtivo. Também foi destacado que a maioria dos trabalhos de conclusão trazem diversidade de aplicações em problemas nos ambientes de trabalho dos alunos, cumprindo com os objetivos do programa”, comemora.

Fabrício também lembrou que a Ficha de Avaliação divulgada pela CAPES traz ainda os pontos onde o programa pode melhorar. “Esses pontos serão trabalhados nos próximos anos para que possamos avançar mais um nível. O MECAI está subordinado à área de avaliação MAPE (Matemática, Probabilidade e Estatística). Pelos detalhes apresentados nos relatórios, percebe-se que o trabalho de avaliação foi minucioso, e os critérios foram seguidos com seriedade e precisão. A coordenação da área MAPE está de parabéns pela condução do processo, especialmente neste período conturbado”, disse.

 

 

Coordenação analisa desempenho dos programas na avaliação

O processo de avaliação da Capes conta com a participação de consultores, professores e pesquisadores de todas as regiões do Brasil. É um modelo referência para todo o sistema nacional de pós-graduação, indicando as áreas e programas mais bem avaliados e também aqueles que devem ser melhorados.

Outro impacto relevante desse trabalho é que ele proporciona aos alunos importantes parâmetros, com informações para escolher um programa de qualidade.

“As notas atribuídas a todos os programas de pós-graduação do ICMC refletem a seriedade do ensino que produzimos também na formação de mestrandos e doutorandos. Reforçam a dedicação dos docentes, funcionários e discentes, bem como o apoio institucional do nosso instituto”, disse Antônio Castelo Filho, presidente da Comissão de Pós-Graduação (CPG) Castelo lembra de outro impacto relevante para aqueles que obtém notas máximas. “Um programa de nível 7 recebe mais investimentos financeiros do que um de nível menor, o que significa maior oferta de bolsas da Capes/Proex, por exemplo”.

Ainda segundo ele, é importante lembrar que 7 é a nota máxima que pode ser atribuída, no entanto, os programas do ICMC seguem crescendo em produção científica. “Os Programas PPG-Mat e PPG-CCMC são programas consolidados que começaram há 50 anos. Já o PIPGEs e MECAI foram criados na década passada e, portanto, estão em pleno desenvolvimento, o que também é comprovado pelas notas crescentes a cada avaliação. Quando o MECAI foi criado, em 2014, ainda não tínhamos alunos no curso e ele não foi avaliado, na segunda, os alunos ainda não estavam formados e a pandemia adiou a avaliação”, observando que não é possível pular dois níveis na avaliação. “O MECAI nasceu nível 3 e não poderia em apenas uma avaliação chegar ao 5. Todas as observações feitas ao programa já foram resolvidas e estamos certos de que na próxima avaliação da Capes, ele também estará no topo das notas”, disse Castelo.

Esse tipo de avaliação, nos moldes em que é realizado na Capes, é inédito no mundo e contribui para o desenvolvimento da pós-graduação brasileira, fornecendo subsídios para fazer avanços na ciência, tecnologia e inovação do País.

“Atualmente, a USP forma 40% dos doutores do Brasil, tendo um dos melhores programas de pós-graduação do mundo e estamos corroborando com esse índice oferecendo em nossas áreas um ensino com padrão internacional de qualidade”.

Acesse esse link e conheça todos os programas de pós-graduação do ICMC.

 

Texto: Raquel Vieira

 

Contato para esta pauta:
E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
Telefone: (19) 99199-8981

CONECTE-SE COM A GENTE
 

© 2022 Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação